Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.uema.br/jspui/handle/123456789/1313
Título: Ações de Estado e geração de conflitos: um estudo a partir dos conflitos gerados entre o Estado brasileiro e comunidades tradicionais quilombolas em Alcântara – MA
Autor(es): Choairy, Antônio César Costa
Palavras-chave: Centro de Lançamento de Alcântara
Conflitos
Mobilização
Política
Remanescentes
Quilombolas
Data do documento: 28-Fev-2019
Editor: UEMA
Resumo: Este trabalho busca compreender os conflitos gerados pela edição de atos de Estado referentes à implantação do Centro de Lançamentos de Alcântara, num contexto de existência de comunidades tradicionais ocupando o território desapropriado para essa finalidade. Expressa-se pela reflexão acerca do papel do Estado e sobre as consequências de seus atos oficiais como forma de adequação da realidade a objetivos definidos a partir de interesses específicos que entram em confronto com os interesses das comunidades centenárias residentes no município de Alcântara. Busca compreender o conflito e suas características tendo os atos de Estado com gerador e reação política das comunidades com resultante das tensões iniciadas pelo processo de desapropriação imposto pelo Estado do Maranhão em 1980 e posteriormente confirmado pelo Governo Federal em 1991. Busca compreender as formas de organização política e as estratégias dessas mobilizações numa situação de conflito criada pela criação de um projeto desenvolvimentista nos moldes daqueles que foram implantados na Amazônia nos anos 70
Descrição: 131f. Dissertação (Mestrado em Cartografia Social e Política da Amazônia) - Universidade Estadual do Maranhão, São Luís, 2019. Orientador: Dr. Alfredo Wagner Berno de Almeida
URI: http://repositorio.uema.br/jspui/handle/123456789/1313
Aparece nas coleções:MESTRADO EM CARTOGRAFIA SOCIAL E POLÍTICA DA AMAZÔNIA



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.