Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uema.br/123456789/308
Title: Reações inespecíficas em técnicas imunológicas para diagnóstico de anemia infecciosa equina e mormo
Authors: Alenca, Clidilene Nogueira de
Keywords: Equinos
AIE
Mormo
IDGA
Fixação de complemento
Issue Date: 28-Jul-2014
Publisher: UEMA
Abstract: <p>Anemia Infecciosa Equina e Mormo s&atilde;o as enfermidades mais importantes sob o ponto de vista sanit&aacute;rio e econ&ocirc;mico para a equideocultura, de acordo com o Programa Nacional de Sanidade dos Equinos (PNSE), por n&atilde;o possu&iacute;rem tratamento e vacinas eficazes. Para controlar essas enfermidades, o Minist&eacute;rio da Agricultura, Pecu&aacute;ria e Abastecimento (MAPA) instituiu medidas sanit&aacute;rias obrigat&oacute;rias em todo territ&oacute;rio nacional que incluem o diagn&oacute;stico oficial pelo teste de imunodifus&atilde;o em gel de &aacute;gar (IDGA) para AIE e Fixa&ccedil;&atilde;o de Complemento (FC) para Mormo, e o sacrif&iacute;cio dos animais soropositivos. Para verificar e avaliar a ocorr&ecirc;ncia de rea&ccedil;&otilde;es inespec&iacute;ficas pelas t&eacute;cnicas de IDGA e FC utilizou-se 78 equinos soronegativos para AIE e Mormo, divididos em grupos e inoculados com diferentes vacinas. Ap&oacute;s uma semana, os animais foram submetidos a cinco controles sorol&oacute;gicos, intercalados em sete dias. Os resultados indicaram que o uso de vacinas em equinos em per&iacute;odo que antecede a realiza&ccedil;&atilde;o de exames laboratoriais para diagn&oacute;stico de AIE e Mormo, n&atilde;o induz a soroconvers&atilde;o, uma vez que todos os animais confirmaram resultados negativos. Entretanto, 11,11% dos equinos vacinados contra influenza, encefalomielite, rinopneumonite equina e t&eacute;tano, e 15,38% daqueles vacinados contra leptospirose apresentaram rea&ccedil;&otilde;es negativas inespec&iacute;ficas ao IDGA. Atrav&eacute;s deste estudo, a verifica&ccedil;&atilde;o de rea&ccedil;&otilde;es negativas inespec&iacute;ficas ao IDGA para diagn&oacute;stico de AIE demonstra um tipo de resultado n&atilde;o abordado pela Portaria n&ordm; 84/1992 &ndash; SDA/MAPA, e que, portanto, serve para fundamentar altera&ccedil;&otilde;es na legisla&ccedil;&atilde;o vigente sobre o diagn&oacute;stico dessa enfermidade.</p>
Description: <p>65 f.</p><p>Disserta&ccedil;&atilde;o (Mestrado) &ndash; Curso de Defesa Sanit&aacute;ria Animal, Universidade Estadual do Maranh&atilde;o, 2014.</p><p>Orientador: Prof. Dr. Daniel Praseres Chaves</p>
URI: http://repositorio.uema.br/123456789/308
Appears in Collections:MESTRADO EM DEFESA SANITÁRIA ANIMAL

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CLIDILENE NOGUEIRA DE ALENCAR.pdf917.47 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.