Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uema.br/123456789/248
Title: Análise de crescimento e produção de três variedades de mandioca (manihot esculenta, Crantz) consorciadas com feijão de porco (canavalia ensiformis DC)
Authors: Silva, Messias Nicodemus da
Keywords: Manihot
Canavalia ensiformis
Análise de crescimento
Produção
Issue Date: 27-Dec-2006
Publisher: UEMA
Abstract: <p>Foi realizado um estudo sobre Análise de Crescimento e Produção de Três Variedades de Mandioca (Manihot esculenta, Crantz) consorciadas com feijão de porco (Canavalia ensiformis DC), na base física do Núcleo Tecnológico de Engenharia Rural do Curso de Agronomia da Universidade Estadual do Maranhão, no Município de São Luis-Ma, situada a 44º18‟ W de longitude e 20º30” S de latitude, em solo classificado como ARGISSOLO VERMELHO-AMARELO Distrófico Tb Arënico A moderado, textura arenosa/média fase floresta tropical dicótilo palmácea, segundo o Sistema Brasileiro de Classificação de Solos. O objetivo foi analisar o crescimento e a produção de três variedades de mandioca, cultivadas em dois sistemas de plantio, o sistema tradicional de monocultivo e o consorciado com feijão-de-porco, para que se possa melhor compreender a natureza dos controles internos de cultivares sobre as interações planta-ambiente. -O Índice de Área Foliar (IAF), tanto para as variedades, quanto para os sistemas, apresentou comportamento semelhante, ou seja, até os 180 dias após o plantio, aumentou de valor. A partir dos 210 dias após o plantio, decresceu. O sistema de plantio tradicional foi o que proporcionou efeito significativo para o referido parâmetro, o que nos sugere a ocorrência de competição interespecífica para o sistema em consórcio.A Taxa Assimilatória Líquida (TAL) apresentou efeito significativo para a variedade pão no sistema de plantio tradicional.A Razão de Área Foliar (RAF) expressou efeito significativo para as interações, sendo que macaxeira pão e macaxeira rosa não apresentaram diferenças entre si, na interação variedade x sistema de plantio, enquanto que ,para a interação sistema de plantio com relação à variedade, verificou-se que o sistema de plantio tradicional apresentou significância, independentes da variedade.A Produção de raiz tuberosa não foi influenciada nem xii 14 pelas variedades, nem pelos sistemas de plantios adotados. Desta forma pode-se recomendar qualquer uma das três variedades testadas, tanto no sistema de plantio tradicional, quanto no sistema em consórcio.-Para produção de parte aérea (ração), pode-se sugerir a variedade macaxeira pão, em função da mesma ter apresentado resposta significativa para o índice de área foliar, o qual está diretamente relacionado com uma maior área foliar.Desta forma poderá disponibilizar maior massa verde para a produção de ração de uso animal.</p>
Description: <p>81 f.</p><p>Dissertação (Mestrado em Agroecologia)-Universidade Estadual do Maranhão, São Luis, 2006. </p><p>Orientador: Prof. Dr. Eduardo Ferreira Rodrigues</p>
URI: http://repositorio.uema.br/123456789/249
Appears in Collections:MESTRADO EM AGROECOLOGIA
MESTRADO EM AGROECOLOGIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MESSIAS NICODEMUS DA SILVA.pdf1.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.