Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uema.br/123456789/209
Title: Aspectos reprodutivos de Melipona compressipes fasciculata Smith. (Hymenoptera, Apidae ): Alimento larval, ovo e povoamento de colméias.
Authors: Carvalho, Georgiana Eurides Viana de
Keywords: Melipona compressipes fasciculata
Alimento larval
Ovo
Multiplicação de colônias
Issue Date: 2007
Publisher: UEMA
Abstract: <p>Para o Estado do Maranh&atilde;o, a Melipona compressipes fasciculata (Ti&uacute;ba) possui uma grande import&acirc;ncia, pois &eacute; a abelha social mais criada, representando uma das principais fontes de renda para diversas fam&iacute;lias, e possui import&acirc;ncia ecol&oacute;gica para a conserva&ccedil;&atilde;o dos seus ecossistemas naturais. Assim, esta pesquisa teve como objetivo a determina&ccedil;&atilde;o de caracteres relacionados ao alimento larval e ao peso do ovo, al&eacute;m de estabelecer um processo de povoamento de col&ocirc;nias de Melipona compressipes fasciculata. Para determina&ccedil;&atilde;o do peso, densidade, volume m&eacute;dio do alimento larval e o peso m&eacute;dio do ovo foram avaliados nove col&ocirc;nias de onde se coletou 520 c&eacute;lulas de cria rec&eacute;m-constru&iacute;das, totalizando 520 ovos, 260 c&eacute;lulas de cria para obten&ccedil;&atilde;o do peso do alimento larval e 260 c&eacute;lulas de cria para a obten&ccedil;&atilde;o da densidade. Os dados coletados foram avaliados estatisticamente. Para o processo de povoamento de colm&eacute;ias visando a multiplica&ccedil;&atilde;o de col&ocirc;nias atrav&eacute;s da divis&atilde;o racional foram utilizadas abelhas adultas, jovens e campeiras, e favos de cria nascente colocados no mesmo instante da divis&atilde;o, distribu&iacute;dos em tr&ecirc;s tratamentos, constitu&iacute;dos de 80, 160 e 240 abelhas adultas, respectivamente, com 05 col&ocirc;nias cada. Foram selecionadas col&ocirc;nias m&atilde;es fortes para serem doadoras dos favos de cria nascentes e outras para serem doadoras de abelhas adultas para o povoamento das novas col&ocirc;nias. Esse m&eacute;todo de divis&atilde;o foi avaliado atrav&eacute;s do acompanhamento do peso das col&ocirc;nias formadas, assim como a quantidade de potes de alimento, presen&ccedil;a da rainha virgem e da rainha fisiog&aacute;strica, quantidade de c&eacute;lulas de cria constru&iacute;das e tamanho dos favos. Com rela&ccedil;&atilde;o ao alimento larval obteve-se, peso m&eacute;dio de 192, 9127 mg, densidade m&eacute;dia de 1,1728 mg/&micro;l e volume m&eacute;dio de 164,4890 &micro;l. Para o peso do ovo a m&eacute;dia obtida foi de 2,8066 mg. Com rela&ccedil;&atilde;o &agrave;s col&ocirc;nias formadas, as col&ocirc;nias que receberam 160 abelhas adultas foram superiores &agrave;s demais quanto ao peso e ao n&uacute;mero de potes de alimento, j&aacute; as col&ocirc;nias que receberam 240 abelhas adultas foram superiores &agrave;s demais quanto ao n&uacute;mero de c&eacute;lulas de cria constru&iacute;das. As col&ocirc;nias m&atilde;es influenciaram as col&ocirc;nias formadas quanto ao seu potencial gen&eacute;tico e n&atilde;o enfraqueceram ap&oacute;s a retirada das abelhas adultas e dos favos de cria nascente. Logo, &eacute; poss&iacute;vel realizar o povoamento de col&ocirc;nias de Melipona compressipes fasciculata atrav&eacute;s da divis&atilde;o racional baseada no n&uacute;mero de abelhas adultas, jovens e campeiras, e favos de cria nascente. O emprego desse m&eacute;todo pelos (as) meliponicultores (as) estar&aacute; ajudando a manter o potencial gen&eacute;tico e produtivo das col&ocirc;nias, assim como garantindo a manuten&ccedil;&atilde;o da diversidade flor&iacute;stica e o equil&iacute;brio ecol&oacute;gico para os ecossistemas terrestres, sendo ent&atilde;o fundamental para a busca da sustentabilidade desta atividade dentro do Estado do Maranh&atilde;o.</p>
Description: <p>67 f.&nbsp;</p><p>Disserta&ccedil;&atilde;o ( Mestrado em Agroecologia) - Universidade Estadual do Maranh&atilde;o, S&atilde;o Luis, 2007.</p><p>Orientador: Prof. Dr. Jos&eacute; Mauricio Dias Bezerra.</p>
URI: http://repositorio.uema.br/123456789/209
Appears in Collections:MESTRADO EM AGROECOLOGIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GEORGIANA EURIDES VIANA DE CARVALHO.pdf599.45 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.